A fundamentação para o reino de Deus

https://soundcloud.com/caminhar-na-graca/a-fundamentacao-para-o-reino-de-deus

foto por: Massimiliano Donghi em Unsplash

O reino de Deus não se trata da nossa religiosidade e nem de separarmos um tempo para Deus, mas em compreendermos que vivermos este reino está na fundamentado no arrependimento, para que mudando as nossas atitudes, frente a obra que Ele realiza em nós, possamos viver manifestando as virtudes do Pai.

Jesus inicia o seu ministério afirmando o mesmo que João, como podemos ler no capítulo quatro, versículo dezessete: “Daí por diante, passou Jesus a pregar e a dizer: Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus.” (Mateus 4.17, BEARA).

Se não houver em nossas vidas o arrependimento, a mudança de atitude com relação às obras que praticamos, não haverá nem o conhecimento de Deus e muito menos o revelar do Seu reino.

Deus nos chama para vivermos o Seu reino neste mundo, manifestarmos as Suas virtudes entre as pessoas, revelando o conhecimento que temos Dele, agindo como Cristo, expressando o novo ser que Ele nos fez e que confirmamos que recebemos o Espírito que nos conduz em toda a vontade do Pai.

Mas, se não nos sujeitarmos à Sua vontade, se continuarmos a viver como filhos do Diabo, praticando suas obras, andando segundo a natureza humana, sendo egoístas, arrogantes, orgulhosos, hipócritas, mentirosos e religiosos, não só declaramos que não nos arrependemos, mas que continuamos a viver da mesma maneira, mesmo que vistamos as vestes da religiosidade.

Anúncios