É uma questão de natureza

Miquéias está profetizando para um povo em uma época muito distante da nossa, mas o que vemos não é diferente de nossos dias. Aqueles que possuem a autoridade para agir segundo a justiça e equidade que deveriam, pela posição que ocupam, fazem justamente ao contrário: exploram, abusam da autoridade e poder que possuem para revelar sua ganância. Assim como foi nesta época, o ser humano natural, não mudou em nada. Continua a agir como sempre, mas para quem é de Cristo, que se sujeitou à vontade do Senhor, não pode viver dessa maneira, mas manifestar a justiça e equidade, não servindo ao pecado, mas a Deus.